A mobilidade é hoje um dos factores mais importantes para a qualidade de vida das populações. Numa época em que o factor tempo tem uma preponderância vital na vida em sociedade, torna-se fundamental garantir às populações a capacidade de se deslocarem com fluidez e segurança.

Alcochete não constitui excepção. O crescimento populacional, verificado na última década no concelho, trouxe novos desafios à mobilidade dos nossos cidadãos. Daí que a rede viária existente tenha de se ajustar à realidade do presente e às novas necessidades de circulação pedonal e rodoviária dos munícipes. Nesse sentido, a EN 119, agora denominada de Av. de São Francisco de Assis, principal eixo de  ligação ao concelho vizinho, carece de uma intervenção imediata devido ao aumento exponencial do tráfego. O crescimento populacional da Freguesia de São Francisco e a construção do Centro Escolar são os motivos da crescente intensidade de trânsito nesta artéria.

Acresce dizer que, perante à sua insuficiente capacidade de resposta, a circulação simultânea por automóveis, velocípedes e peões na EN 119 constitui um perigo, principalmente para a população escolar que diariamente a utiliza, já que esta não possui sequer passeios laterais. Torna-se, assim, Fundamental a requalificação da via, não apenas por questões de circulação, mas também para garantir as adequadas condições de segurança a toda a variedade dos seus utilizadores.

Por outro lado, o concelho tem características topográficas de eleição para a circulação pedonal e de velocípedes. A proximidade de São Francisco a Alcochete potencia igualmente este tipo de movimentos. Por isso, criar melhores condições com vista ao fomento de tais práticas afigura-se conveniente e contribui decisivamente para uma melhor qualidade de vida dos cidadãos.

Atento a esta situação, o PSD Alcochete apresentou, em Assembleia Municipal, ocorrida no passado dia 26 de Junho, uma recomendação no sentido de serem desenvolvidas as diligências indispensáveis à requalificação da EN 119, no troço entre São Francisco e Alcochete, para que nela sejam colocados passeios em ambas as bermas e feita uma ciclovia. Infelizmente, como se esperava, o documento foi desde logo rejeitado pela maioria comunista sem fundamentação coerente que o justificasse.

Alimento ainda a esperança que o bom senso prevaleça, e que a Câmara Municipal, pondo de parte interesses partidários, perceba a importância da recomendação e que reconheça o carácter prioritário da mesma.

A requalificação da EN 119 é, pois, urgente e necessária. Uma prioridade estratégica para o município. Por isso, o PSD não abandonará esta necessidade, uma ambição legítima de todos os munícipes.

 

Vasco Vitória

Presidente da Comissão Política Concelhia PSD/Alcochete

Partilhe esta notícia