Um golo de Giovani interrompeu a série de derrotas e garantiu o triunfo (1-0) do Vitória de Setúbal sobre o Marítimo, num jogo da 10ª jornada da I Liga. Diante de um adversário sem ideias, o futebol pragmático da equipa de Domingos Paciência foi o elemento que desequilibrou a balança a favor dos sadinos que voltaram a vencer no Bonfim.

O Vitória de Setúbal entrou melhor na partida e dominou durante toda a etapa inicial, em que criou algumas oportunidades de golo e acabou por chegar o golo. Aos 30 minutos, na sequência de um livre, marcado por Advíncula, no flanco esquerdo do ataque sadino, Giovani rematou rasteiro ao canto direito da baliza de Salin e colocou o Vitória de Setúbal a vencer por 1-0, resultado que se manteve até ao intervalo.

Na segunda parte, o Marítimo entrou mais ambicioso e conseguiu pressionar a equipa da casa nos minutos iniciais, mas o Vitória esteve sempre mais perto de matar o jogo, quer através de Zequinha que cabeceou, aos 62 minutos, após um bom cruzamento de Miguel Pedro, quer em dois remates de fora de área de Dani.