O Serviço de Aprovisionamento do Centro Hospital Barreiro Montijo (CHBM) renovou a sua certificação pelo sistema de “gestão e controlo de stocks e aquisição de bens e serviços”, tendo este ano atualizado o referencial para a norma ISO 9001:2015.

 

O Serviço de Aprovisionamento implementou um Projeto Integrado de Logística Hospitalar em 2007, através do sistema e-kanban, e foi certificado pela primeira vez em 2009. Com este sistema, que veio permitir uma maior eficiência na gestão de stocks e consumos, todos os produtos consumidos nos serviços são registados online, através de um terminal móvel. A informação é recebida no armazém, que repõe a quantidade de material necessária nos serviços, com base nos níveis acordados.

 

Este modelo de reposição, que está implementado em 69 serviços clínicos/armazéns periféricos do CHBM, permite reduzir os stocks existentes nos serviços e no Armazém Geral, evitando desperdícios; rentabilizar os recursos humanos e materiais; e garante a existência de um inventário permanente dos materiais existentes.

 

O Serviço de Aprovisionamento do CHBM foi o primeiro serviço do Serviço Nacional de Saúde (SNS) a obter esta certificação e o segundo a implementar o modelo logístico e-kanban, que neste momento se encontra em fase de Upgrade. Foi, ainda, o primeiro a implementar o programa de custeio ao doente no Bloco Operatório (referenciado pelo Tribunal de Contas como boa prática) e respetivo modelo logístico de bens consignados.

 

Para a Diretora do Serviço de Aprovisionamento, Dra. Vanessa Ramos Paulino, “toda a equipa está de parabéns, sobretudo pelo desafio que hoje se coloca a estas equipas no SNS, ao nível do cumprimento de inúmeras legislações e orientações superiores, que claramente levam a um aumento significativo de tarefas com prazos cada vez mais curtos, mantendo-se o desafio da eficiência dos processos e da superação de resultados”. E acrescenta: “Investir na atitude e relacionamentos, quer entre elementos da equipa, quer com os clientes internos, fornecedores e restantes partes interessadas neste processo, é a nossa aposta e o caminho a seguir: Fazer cada vez melhor”.

Partilhe esta notícia