O Geocircuito de Sesimbra passou a integrar o roteiro das minas e pontos de interesse mineiro e geológico de Portugal, segundo informação divulgada esta terça-feira.

O roteiro considera que são “abundantes os locais com elevado interesse geológico e geomorfológico (…) manifestado quer pelo excecional valor científico de alguns, quer pelo interesse didático e cultural de outros”, de que são exemplo as jazidas de icnofósseis de Pedra da Mua, Lagosteiros e Pedreira do Avelino.

A integração neste guia resultou de um convite formulado à Câmara Municipal pela Direção-geral de Energia e Geologia, em resultado da menção honrosa recebida pelo Geocircuito, em 2013, pela sua participação no Prémio Geoconservação 2013, atribuído pelo grupo português da PROGEO – Associação Europeia para a Conservação do Património Geológico.

Este circuito resultou de uma colaboração da autarquia, Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa e do Museu Nacional de História Natural e da Ciência, que passou pela inventariação, caracterização, interpretação e divulgação do património geológico de Sesimbra.

O Roteiro das Minas e Pontos de Interesse Mineiro e Geológico de Portugal (http://www.roteirodeminas.pt/) é uma iniciativa promovida pela Direção Geral de Energia e Geologia – DGEG, do Ministério da Economia, da Inovação e do Desenvolvimento, e pela Empresa de Desenvolvimento Mineiro SA – EDM.

Este projeto tem como objetivo “dar visibilidade a um conjunto de iniciativas que se encontram já em desenvolvimento, de enquadramento institucional, dimensões e características diferenciadas, relacionados com a problemática geológica e mineira. As iniciativas associadas ao roteiro são de carácter lúdico, cultural, pedagógico, científico e terapêutico”

Partilhe esta notícia