A sessão de apresentação do livro do autor será já no próximo dia 1 de fevereiro de fevereiro pelas 16h, na Biblioteca Municipal de Setúbal.

O autor confessou-nos que ” Há cerca de 2 anos realizei uma viagem não turística de 3 meses pela Índia, tendo permanecido 2 meses num mosteiro budista nos Himalaias, em pesquisa e trabalho voluntário, e um mês na planície do Rajastão, em particular na cidade sagrada de Pushkar”.
O livro resultou da vontade do responsável do mosteiro para que fosse divulgado em Portugal (e no Ocidente) o trabalho realizado pelo mosteiro e a via do Budismo naquela região do norte da Índia (Sikkim), mas também das reflexões, vivências, emoções e intuições do autor. Igualmente ainda mostra os silêncios e ruídos do que é contido (as emoções e a individualidade). E ainda revela os contrastes profundos entre o Budismo e o Hinduísmo e o encontro/cruzamento entre Ocidente e Oriente.
Na apresentação do livro vou projetar em imagens, vídeos, canções e outros sons as ambiências contrastante das regiões que visitei, bem como as diferentes culturas, religiões e tradições.