Êxitos do Festival Eurovisão da Canção são revividos no próximo sábado, em Setúbal, no Eurovision Live Concert – Portugal 2016, evento com estrelas da música eurovisiva, único no país, que nesta edição está de regresso ao Auditório José Afonso.

 

“É com grande satisfação e agrado que recebemos mais um Eurovision Live Concert, evento que continua a ganhar espaço na programação cultural da cidade”, destacou o vereador da Cultura da Câmara Municipal de Setúbal, Pedro Pina, esta tarde, na Casa da Cultura, na apresentação da oitava edição da iniciativa.

 

O concerto do Festival Eurovisão da Canção, que este ano regressa ao Auditório José Afonso, com início às 21h30, conta com um programa musical eclético, composto por artistas nacionais e estrangeiros que se destacaram em várias edições do evento europeu realizado anualmente.

 

Mais do que uma noite de música, o Eurovision Live Concert – Portugal 2016, organizado pela Deriv@Status – Associação, em parceria com a Câmara Municipal e a OGAE Portugal e com o apoio de várias entidades, é já “uma referência para muitos turistas conhecerem e desfrutarem” de Setúbal e da região.

 

Com várias estreias e também regressos, no concerto eurovisivo, com entrada gratuita, atuam Michal Szpak, da Polónia, Barei, Espanha, Filipa Azevedo, Portugal, Maya Sar, Bósnia & Herzegovina, Compact Disco, Hungria, Tomas Thordason, Dinamarca, e Andrius Pojavis, Lituânia.

 

Rui Andrade & Legacy, Carla Ribeiro, Ana Luísa Cardoso, Gerson Santos e os Vision Ensemble são convidados especiais no espetáculo, no qual atua também Catarina Guinout, sobrinha da cantora Maria Guinout, vencedora, em 1984, do Festival RTP da Canção, que é homenageada pela organização.

 

Guilherme Santos, da Deriv@Status, afirmou que o cartaz musical desta edição “é muito equilibrado”, com um misto de músicos nacionais e estrangeiros, uns que se estreiam na festa eurovisiva realizada em Setúbal, única em Portugal, outros que repetem uma participação.

 

Uma das regressadas é Filipa Azevedo. “Foi a última portuguesa a marcar presença na fase final do Festival Eurovisão da Canção e, por isso, faz todo o sentido estar em Setúbal”, acentuou Guilherme Santos, ao apontar também os nomes de Rui Andrade, Carla Ribeiro e Gerson Santos. “São três amigos com presença assídua.”

 

O Eurovision Live Concert – Portugal 2016, com apresentação de Natália Abreu e Deban Aderemi, jornalista especialista em matérias culturais, em particular o Festival Eurovisão da Canção, está de volta ao Auditório José Afonso, com uma produção que promete encantar o público.

 

“É o local no qual nasceu o Eurovision Live Concert”, realçou Guilherme Santos. “Vai ter uma decoração muito bonita, que só ali é possível de fazer, e um ecrã gigante.”

 

Adiantou igualmente que este ano “triplicou o número de estrangeiros a procurar a organização para participar no evento”.

 

Guilherme Santos avançou também que esta edição, orçada em cerca de 24 mil euros, presta homenagem à OGAE Portugal. “Com os poucos recursos, a associação continua a apoiar o evento setubalense e a promover a música eurovisiva, pelo que esta é uma justa homenagem.”

 

CLÁUDIO ANAIA

www.relances.blogspot.com

Partilhe esta notícia