A capacidade de resposta da Companhia de Bombeiros Sapadores de Setúbal e da empresa CME permitiu “salvar” um trabalhador num simulacro realizado esta manhã na estação de seccionamento da EDP, na zona das Padeiras, em Setúbal.

 

O exercício foi organizado pela EDP com o objetivo de testar a capacidade de resposta da CME, empresa fornecedora de serviços de manutenção da rede elétrica, “na eventualidade de ser necessário resgatar um trabalhador que se desloca, em bicicleta, ao longo da linha de média tensão”, explica o comandante dos Sapadores, Paulo Lamego.

 

A EDP solicitou a colaboração da Companhia de Bombeiros Sapadores de Setúbal, que treinaram previamente o procedimento “considerado mais adequado, em termos de eficiência e rapidez, para efetuar a operação de resgate”.

 

No cenário de risco simulado, um trabalhador sentiu-se mal quando se encontrava a executar funções de manutenção pela empresa CME, numa das torres da estação de seccionamento, localizada na zona das Padeiras.

 

Os Bombeiros Sapadores foram acionados para acorrer ao local e a equipa de resgate e salvamento da CBSS, composta por seis elementos apoiados por uma viatura, “conseguiu retirar a vítima em segurança, em menos de dez minutos”, conclui Paulo Lamego.