Encontra-se a decorrer até ao dia 20 de junho, o 11.º Festival de Música Sacra do Baixo Alentejo – Terras Sem Sombra (TSS).

O Festival que já é uma referência na agenda cultural alentejana regressa no próximo dia 11 de abril a Sines, com o concerto “O Século XVIII ao Piano em Portugal e Espanha: De Carlos de Seixas a Antonio Soler” pelas mãos de Iván Martín, às 21h30, na Igreja Matriz do Santíssimo Salvador.

Já no dia 12 de abril, às 10h, Sines recebe uma oficina de espécies exóticas durante a qual será lançado o desafio de localizar e controlar núcleos pioneiros invasores.

Recorde-se que, a invasão por espécies exóticas é um tema muito presente nas atividades do Festival Terras sem Sombra e um dos maiores problemas globais ao nível da conservação da natureza: na Europa existem cerca de 10 000 espécies exóticas, das quais cerca de 15 % têm um impacto negativo ao nível da ecologia ou da economia (estima-se um prejuízo anual de 12 biliões €/ano só no território europeu). Das 395 espécies listadas como criticamente ameaçadas na Europa, 110 estão em perigo, devido ao efeito das espécies exóticas invasoras.

Nesse sentido, é importante conhecer as espécies exóticas, compreender quando assumem um papel invasor e desenvolver métodos eficazes para a sua erradicação.

 

Todas as informações em www.festivalterrassemsombra.org e na página dedicada no Facebook.

Partilhe esta notícia