O Sindicato Nacional dos trabalhadores da Administração Local (STAL) convocou para a próxima quinta-feira, 13 de novembro, uma jornada de protesto por todo o país sob o lema ‘Rejeitar as 40 horas – Pelo direito ao horário de trabalho de 35 horas e pelo direito à contratação coletiva’.

A jornada de greves parciais, manifestações, plenários e concentrações vai integrar-se no “Dia nacional de indignação, ação e luta”, convocado pela CGTP-IN para quinta-feira.

No distrito de Setúbal, o STAL convocou desfiles de rua dos trabalhadores das autarquias em Alcácer do Sal, Almada, Barreiro, Grândola, Moita, Palmela, Santiago do Cacém, Seixal, Setúbal e Sines
“O STAL apela aos eleitos autárquicos que resistam às pressões e recusem as ingerências do Governo na autonomia do poder local”, salienta o comunicado sindical, defendendo o direito dos municípios e dos sindicatos para celebrarem os mais de 400 ACEEP que aguardam por publicação governamental.

Partilhe esta notícia