A melhor judoca portuguesa de sempre, natural de Almada, perdeu esta tarde o combate contra a japonesa Nae Udaka, levando para casa o quarto título de vice-campeã do mundo de judo.

O combate foi muito equilibrado e Telma Monteiro só foi derrotada “no ponto de ouro”, durante o qual a judoca foi sancionada pelo árbitro, após um empate no tempo regulamentar. Foi a segunda vez que a almadense defrontou a japonesa, 13ª no ranking mundial, depois de se terem encontrado em 2009, na final do Grand Slam do Rio de Janeiro, que terminou com a vitória da atleta do Benfica.

Nesta sua participação no mundial de judo, que decorre em Cheliabinsk, na Rússia, Telma Monteiro deixou para trás a norte-americana Marti Malloy, número três do ranking mundial e medalha de bronze em Londres, desforrando-se assim da prematura eliminação nos Jogos Olímpicos de Londres’ 2012.

Nas meias-finais, a almadense, que ocupa atualmente o 11º lugar no ranking mundial, derrotou Sumiya Sorjsuren, da Mongólia, vencendo-a a menos de um minuto do fim com um ippon.

Esta é a quinta medalha que Telma Monteiro conquista nos Mundiais, uma vez que além das quatro medalhas de prata (2007, 2009, 2010, 2014), já havia conquistado uma medalha de bronze em 2005.

 

Partilhe esta notícia