Cerca de 60 crianças do ensino pré-escolar da Escola 2,3 Pedro Nunes de Alcácer do Sal celebraram hoje, dia 20 de março, na Mata Nacional de Valverde, o Dia Internacional da Floresta que se comemora amanhã, 21 de março.

Numa iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Alcácer do Sal em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), as crianças tiveram oportunidade de festejar esta data com diversas atividades direcionadas para a consciencialização da importância da preservação da floresta e da natureza.

Divididas por grupos, as crianças, com idades compreendidas entre os três e os seis anos, acompanharam uma série de iniciativas, entre elas a colocação de anilhas de identificação e a libertação de aves típicas da região, tais como o chapim-de-poupa e a toutinegra dos valados. Enquanto isso, decorreu a observação de árvores, como o pinheiro e o sobreiro, e ainda a construção de ninhos e a colocação dos mesmos nas árvores. Para além destas atividades, destaque ainda para a apresentação de uma dramatização de um conto infantil por técnicos da Biblioteca Municipal de Alcácer do Sal. O momento alto do dia foi a plantação do primeiro pinheiro, carinhosamente apelidado pelas crianças de “Catarina”.

Beatriz Ramos, uma das crianças presentes nesta iniciativa, mostrou-se bastante contente, escolhendo a “libertação dos passarinhos” como o seu momento favorito. Já o Frederico Correia, outro dos jovens, confessa que já tinha participado em iniciativas deste género, mas que gostou de “plantar as árvores e ver como a floresta estava tão grande”.

Para João Ramos, engenheiro no ICNF, estas atividades são de grande importância, pois “servem para sensibilizar e consciencializar as crianças para a importância deste património natural”. Afirma ainda que o “contacto direto com a floresta permite que os mais novos fiquem atentos para alguns problemas que afetam toda a sociedade”.

Partilhe esta notícia