O PSD Barreiro acusa a autarquia, gerida pela CDU, de “gastar o dinheiro de contribuintes” em iniciativas que refletem a ideologia desta força política, e não na melhoria da qualidade de vida dos munícipes.

O presidente do PSD Barreiro, Bruno Vitorino, lamenta que o executivo comunista “perca demasiado tempo e dinheiro a defender a sua ideologia partidária, em vez de resolver os problemas concretos do concelho e da sua população”, dando como exemplo a recente iniciativa do Observatório de Saúde, que serviu para “criticar uma descentralização de competências que não envolve o Barreiro”.

“Veja-se por exemplo a despesa de dinheiros públicos que é feita, em ações de contestação à agregação de freguesias, onde foi feita publicidade em autocarros, folhetos, outdoors. Este dinheiro não poderia ser aplicado na reparação de estradas, na limpeza das ruas e dos grafitis?”, questiona.

O social-democrata diz que o Barreiro “poderia ser uma cidade bem mais bonita e limpa”, mas lamenta que a CDU “prefira a luta ideológica ao Governo”.

“Porque é que a CDU não faz iniciativas que tenham a ver com a requalificação do Barreiro Velho, com o apoio ao comércio local, com a dinamização dos mercados municipais? Isto sim é querer resolver os problemas concretos do concelho.”, defende Bruno Vitorino.

Partilhe esta notícia