Câmara Municipal do Seixal aprova aquisição de um Sistema de Gestão Inteligente de Resíduos Urbanos no valor de 390 275,35 euros

A Câmara Municipal do Seixal aprovou hoje, em reunião de câmara, a abertura de um concurso público para a aquisição de um Sistema de Gestão Inteligente de Resíduos Urbanos, de forma a monitorizar a recolha de resíduos efetuada pelo município, no valor de 390 275,35 euros. O presidente da Câmara Municipal do Seixal, Joaquim Santos, refere que “o Seixal foi o primeiro município da região de Setúbal a implementar o novo sistema de recolha seletiva de biorresíduos, com a implementação do projeto Recolher Porta a Porta para Valorizar, integrado no Seixal On, que envolve a recolha seletiva de resíduos urbanos biodegradáveis nas zonas já abrangidas pela recolha porta a porta de resíduos indiferenciados. Logo este é mais um passo em frente para a melhoria da qualidade de vida dos nossos munícipes”.

Nesta reunião foi também aprovado o acordo de colaboração entre o município e o Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana visando a promoção de soluções habitacionais para pessoas que não dispõem de uma habitação adequada ou condigna. O objetivo passa por recuperar o valor social da habitação, melhorando os recursos habitacionais do concelho, promovendo a inclusão social e urbana, a apropriação adequada do espaço físico e relacional, a redução da degradação dos imóveis e do espaço público e a autonomização dos agregados a partir de casa.

O executivo aprovou também uma comparticipação de 200 mil euros à Casa do Educador do Concelho do Seixal, que se prepara para inaugurar as novas instalações onde irá funcionar a Universidade Sénior e outras valências desta instituição. Desde o primeiro momento que o município apoiou esta iniciativa, permitindo a reabilitação do edifício do antigo Grémio da Lavoura de Almada e Seixal, onde irá funcionar este equipamento, que ficará cedido à Casa do Educador por um período temporal de 30 anos. 

Nesta reunião de câmara foi ainda aprovado um apoio de 200 mil euros à Associação dos Amigos do Tocá Rufar para a construção de novas instalações bem como a cedência em direito de superfície de um terreno à Associação Desportiva Recreativa Benfiquista – Casa do Sport Lisboa e Benfica para a implementação de um edifício-sede e de área verde de fruição livre.

O executivo municipal aprovou também um protocolo com a Associação do Comércio, Indústria, Serviços e Turismo do Distrito de Setúbal – delegação do Seixal com uma comparticipação camarária de 25 mil euros para apoio às atividades desta associação, sendo a próxima já este mês com a realização da 3.ª edição do Tour do Pitéu, no Seixal, como forma de alavancar o setor da restauração e promover a sua redinamização económica. Foi aprovado igualmente o apoio à CRIAR-t – Associação de Solidariedade para que esta possa prestar apoio ao Núcleo de Planeamento para a Integração das Pessoas Sem-Abrigo do Seixal e apoio ao projeto Linha 65 – linha concelhia de apoio à terceira idade e pessoas dependentes, no âmbito da pandemia por Covid-19.

Nesta sessão foram também aprovados os seguintes apoios financeiros: 100 mil euros à Associação de Amigos do Pinhal do General para a realização de trabalhos de movimentação de terras e furo de captação de água para a construção do campo de futebol do Pinhal do General; apoio ao Centro Cultural e Desportivo das Paivas para a obra de substituição do piso no seu salão; ao Grupo de Futsal Amigos da Encosta do Sol para trabalhos complementares nas diversas intervenções realizadas no clube; ao Centro de Solidariedade Social de Pinhal de Frades para o desenvolvimento da ginástica rítmica e para a Associação Unitária de Reformados, Pensionistas e Idosos de Amora.