Na reunião de câmara de 28 de abril, foram aprovadas duas propostas com um objeto comum: A isenção de taxas urbanísticas referentes a processos de obras de duas instituições concelhias de reconhecido mérito – a Casa do Povo de Canha e o Juventude Futebol Clube Sarilhense, num valor global de 57 689,36€. 

As propostas foram aprovadas por maioria com a abstenção e voto contra do PSD, respetivamente. 

No âmbito da construção equipamentos de socais de proximidade, o  presidente da Câmara Municipal do Montijo mencionou, na reunião, que a isenção de taxas “é uma estratégia que o município adota, não só no caso das Instituições particulares de solidariedade social, mas, também, ao movimento associativo desportivo e cultural, quando entendem construir, em terreno municipal ou não, no sentido de melhorarem as suas condições estruturais”. 

No caso da Casa do Povo de Canha, a isenção de taxas, no valor de 41.951,66€ refere-se ao pedido de licenciamento para edificação do edifício destinado a estrutura residencial para pessoas idosas com centro de dia e apoio domiciliário – Lar Residencial, da associação.

O presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, justificou a proposta referindo que “esta estrutura, que a Casa do Povo vai edificar é fundamental para que continuemos a dar respostas às populações, neste caso, idosas e muito carenciadas, é com grande sensibilidade que estamos a apoiar esta resposta social aos concidadãos de Canha”. A proposta foi aprovada com os votos favoráveis do PS e da CDU e a abstenção do PSD. 

Ao Juventude Futebol Clube Sarilhense foi aprovada a isenção de taxas, no valor de 15.737,70€, referente ao pedido de licenciamento para legalização e ampliação das edificações existentes do complexo desportivo. A proposta foi aprovada com os votos favoráveis do PS e da CDU e o voto contra do PSD. 

Recorde-se que estão em desenvolvimento as obras de construção do relvado sintético do Juventude Futebol Clube Sarilhense. Estas obras contam com o apoio financeiro da câmara ao clube, no valor de 150.000 euros. O campo situa-se perto do centro da localidade de Sarilhos Grandes e na Quinta da Facada. Está prevista, ainda, a requalificação dos balneários, um campo de paddel e um polidesportivo de futebol de 5.