Na manhã de segunda-feira, dia 18 de janeiro, deflagrou um incêndio no edifício sede da Santa Casa da Misericórdia de Alhos Vedros, onde funcionam também os serviços gerais da instituição. Os Bombeiros Voluntários da Moita foram chamados de imediato, tendo respondido prontamente, mas, no entanto, os danos foram consideráveis.

Todo o interior e parte da estrutura do edifício ficaram num elevado estado de degradação e os sistemas elétricos, informáticos e de comunicações foram destruídos. Os serviços técnico-administrativos centrais da SCMAV foram afetados: Secretariado, Direção Administrativa e Financeira (Recursos Humanos, Gestão de Utentes, Contabilidade, Tesouraria, Aprovisionamentos, Património e Gestão de Transportes), Direção de Serviços de Apoio aos Utentes.

Apesar da tragédia, o Provedor da SCMAV, João Lobo, garante que a instituição não baixa os braços e está a procurar soluções para que, num curto espaço de tempo, o funcionamento de todos os serviços afetados sejam retomados. “Como facilmente se depreende é uma tarefa difícil, todavia com a nossa persistência e a ajuda dos nossos trabalhadores, iremos conseguir”, frisou o provedor.

Os serviços administrativos da SCMAV estão temporariamente a funcionar nas instalações cedidas pela Câmara Municipal da Moita, na Estrada Nacional 11, em Alhos Vedros (em frente aos CTT).

Partilhe esta notícia