A nova proposta de orçamento do executivo comunista da Câmara Municipal do Seixal, apresentada 9 meses depois do chumbo pelo Partido Socialista, contempla agora algumas das exigências do PS, nomeadamente o aumento do investimento assim como das verbas previstas para a valorização dos trabalhadores, agora na ordem dos 3M€, e que abrange a opção gestionária que passa de (meros) 5.000€ para 1M€ e que permitirá fazer progredir na carreira 75% dos trabalhadores da autarquia.

Mostrámos que o anterior orçamento não servia o interesse dos munícipes. Mostrámos a nossa honestidade política, pois apesar de à data fazermos parte do Executivo com pelouros – inviabilizámos, mesmo assim, um péssimo orçamento, mesmo sabendo que daí advinha a perda dos pelouros tal como aconteceu. Este não é nosso orçamento, mas fruto da nossa insistência e capacidade de negociação temos hoje um orçamento menos mau. 

Valeu a pena. Tínhamos razão!

No entanto, o orçamento que continua a contemplar quase 1.5M€ para propaganda camarária e gastos faustosos com festas que apenas servem para fazer o culto do poder instalado e que em nada beneficiam as populações, é melhor do que o orçamento apresentado no final do ano transato e cá estaremos para apreciar a sua execução.

Porquanto, viabilizaremos as GOP e o Orçamento da CMS 2019 abstendo-nos pois entendemos como fulcral o investimento orçamentado – esperando que a Câmara o consiga executar – bem como a valorização dos trabalhadores da Câmara.

Somos a oposição responsável e #2021esperapornós

A Concelhia do Partido Socialista do Seixal

Partilhe esta notícia