Entre os dias 8 e 11 de Outubro, terá lugar a 12ª edição do OUT.FEST – Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro promovido pela OUT.RA Associação Cultural, com o apoio da Câmara Municipal do Barreiro.

A saxofonista MATANA ROBERTS; o quarteto THE MAGIC SCIENCE QUARTET; O duo italo-japonês de GIOVANNI DI DOMENICO (piano) e AKIRA SAKATA (saxofone) e o norte-americano LARAAJI são, para já, os primeiros nomes avançados pela organização, para o programa deste Festival.

O jazz norte-americano da saxofonista MATANA ROBERTS, assina um dos mais aclamados álbuns de 2015, “Coin Coin Chapter Three”, terceiro volume de doze lançamentos planeados para contar a história da luta da comunidade afro-americana nos últimos séculos. Este trabalho tem vindo a colocar esta artista de Chicago na linha da frente do jazz mundial.

O quarteto THE MAGIC SCIENCE QUARTET, liderado por duas lendas do Jazz norte-americano: o contrabaixista HENRY GRIMES e o saxofonista MARSHALL ALLEN atuará pela primeira vez, em Portugal.

Por seu lado, o duo italo-japonês de GIOVANNI DI DOMENICO (piano) e AKIRA SAKATA (saxofone) trará até ao Barreiro temas do seu disco “Iruman”, lançado em 2014, enquanto que o norte-americano LARAAJI estreará no OUT.FEST o seu “The Peace Garden”. Apresentará uma performance de música ambiental e meditativa, que combinará aula de yoga e meditação, com exercícios de escuta profunda.

Indo ao encontro da renovada dinâmica cultural local, a edição deste ano incluirá novos palcos da cidade, com destaque para o Museu Industrial da Baía do Tejo, a sede da ADAO – Associação Para o Desenvolvimento das Artes e Ofícios -, e as instalações da Escola Conde de Ferreira, atual Centro de Produção e Participação Artística.

O passe global já se encontra à venda em http://outfest.bilheteiraonline.pt e nos locais associados (Worten, Correios, Fnac, El Corte Inglês, ABEP).

A partir de Setembro, estarão disponíveis também os bilhetes diários.

Todas as informações podem ser encontradas em www.outfest.pt

Recorde-se que o OUT.FEST  foi distinguido com o selo “EFFE – Europe for Festivals, Festivals for Europe” 2015-2016. A decisão foi divulgada no passado dia 20 de maio, pela EFFE. Esta iniciativa tem o apoio da União Europeia e visa reconhecer festivais que demonstrem um profundo compromisso com as artes, com as suas comunidades e com os valores europeus.

 

Partilhe esta notícia