A Iniciativa “Tudo é (a)mar – a Arrábida está a morrer”, que arrancou, a 5 de junho, Dia Mundial do Ambiente, numa parceria entre a “Brigada do Mar” e a Câmara Municipal de Palmela, prossegue até 9 de julho.

Na primeira semana desta ação de remoção de resíduos – a decorrer na zona das Marquesas e Vila Amélia, Freguesia de Quinta do Anjo – os “brigadeiros” voluntários retiraram mais pneus, componentes de carros e restos de frigoríficos, bem como 60 litros de óleo e receberam dois novos contentores, face à volumetria de resíduos recolhida.

Recorde-se que, nos dias que antecederam o início da iniciativa, numa operação de reconhecimento, a “Brigada do Mar” retirou da zona um contentor de 32 metros cúbicos de eletrodomésticos e um contentor de 20 metros cúbicos com pneus, para além de grandes quantidades de peças automóveis e entulho.

Alertar a população para a necessidade de denúncia das situações de despejo ilegal de resíduos e educar e sensibilizar para a utilização dos meios disponibilizados pela autarquia e outros operadores na recolha deste tipo de resíduos são os objetivos da ação, que abrange, ainda, uma área mais vasta de descontaminação da Serra da Arrábida.

Acompanhe a iniciativa, inserida nas comemorações do Dia Mundial do Ambiente no Concelho de Palmela, em www.cm-palmela.pt, nas redes sociais Palmela Município e na página https://pt-pt.facebook.com/brigadadomar.