A Polícia Judiciária (PJ) de Setúbal deteve um homem, de 29 anos, suspeito de ter ateado um fogo no armazém em que trabalhava, nos arredores da cidade de Setúbal, anunciou hoje aquela força policial.

Segundo a PJ, os factos ocorreram este mês de maio, quando o presumível autor, conhecedor do local por ali ter trabalhado, motivado por um sentimento de vingança pelo seu despedimento nesse mesmo dia, ateou um incêndio que consumiu integralmente o recheio de um armazém e afetou toda a sua estrutura, para além de ter vandalizado uma viatura que se encontrava no exterior e de ter tentado arrombar uma residência próxima, destruindo vários objetos à sua volta.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido decretada a medida de coação de apresentações bissemanais e proibição de contatos com o ofendido.

Partilhe esta notícia