Os colaboradores da Volkswagen Autoeuropa votaram, esta sexta-feira, favoravelmente o acordo laboral negociado entre a empresa e a Comissão de Trabalhadores para o período de 1 de outubro de 2014 a 30 de setembro de 2015. Num universo de 3.728 colaboradores inscritos, 2.758 votaram, tendo sido obtidos os seguintes resultados:

  • 74,7%-sim
  • 24,1%-não
  • 0,8 % – branco
  • 0,4 % – nulos

Perante a atual conjuntura económica, torna-se, de acordo com a empresa, “fundamental garantir a competitividade da Volkswagen Autoeuropa e a estabilidade do emprego dos seus colaboradores”. O acordo alcançado teve por base estes pressupostos, assim como a preparação da empresa para os desafios futuros e a reafirmação do compromisso social com os seus colaboradores.
Entre os pontos aprovados, destaque para o aumento salarial de 2% para o período em causa (com um mínimo de 20€, com efeito a 1 de outubro de 2014) e para a integração no quadro da empresa de cerca 400 colaboradores contratados a prazo. Foram ainda atribuídos três dias adicionais de descanso, a acrescentar aos 22 dias de férias regulamentares.

A empresa assumiu ainda o compromisso de não fazer qualquer despedimento coletivo até dia 31 de dezembro de 2015. As ferramentas de flexibilidade laboral atualmente em vigor na Volkswagen Autoeuropa, designadamente os dias de não produção e o programa de mobilidade internacional, continuarão a ser utilizadas de modo a adaptar o volume de produção à procura do mercado.

Partilhe esta notícia