Em 2015, a situação económico-financeira da autarquia registou uma evolução muito positiva dos principais indicadores, com um resultado líquido no montante de 15.244.364,67€, o que configura, pelo 6.º ano consecutivo, exercícios onde os proveitos superam os custos, demonstrando uma consolidação crescente da situação económica e financeira da Câmara Municipal do Seixal, registando ainda uma diminuição de 9,7M€ de dívida, significando menos 10,8% em relação à existente em 2014.

Com uma redução da dívida de 25 milhões de euros desde 2012, a par de um saldo positivo de tesouraria obtido nos finais de 2013, 2014 e 2015, reflexo da estabilização financeira da Câmara Municipal, é assim possível canalizar esse saldo para investimentos prioritários que são uma enorme mais-valia para a população, em áreas como a educação, cultura, desporto, espaços públicos, higiene urbana ou equipamentos.

Nesse sentido e considerando o apuramento do saldo da gerência do exercício de 2015, de cerca de 9 milhões de euros foi ontem aprovada a 1ª Revisão às Grandes Opções do Plano e do Orçamento do ano de 2016 da Câmara Municipal do Seixal que entre muitos outros irá possibilitar desenvolver os seguintes projetos:

· Núcleo de Náutica da Amora;

· Investimento em equipamentos no Movimento Associativo Popular;

· Acessibilidades ao Hospital no Concelho do Seixal;

· Remodelação das redes de água e saneamento;

Partilhe esta notícia