Mel Gibson, realizador dos filmes “Braveheart” (1995), “A Paixão de Cristo” (2004) , volta agora com a história verídica de Desmond T. Doss ,um jovem que desejava ser médico , sonho esse adiado devido aos escassos meios financeiros da família.

Empenhado em salvar vidas, alista-se no Exército norte-americano para cumprir o que considera ser sua missão: ajudar os combatentes da Segunda Grande Guerra- Batalha de Okinawa, mesmo sabendo que as suas convicções pessoais e religiosas o impossibilitam de possuir uma arma ou matar um inimigo.

Num filme muito intenso onde assistimos a imagens de teatro de guerra , vemos o principal protagonista, que apesar do preconceito de alguns dos seus colegas, sozinho, quando todos aguardavam pelo nascer do dia, salvar 75 homens abandonados à morte em território inimigo.
Este feito fará dele o primeiro opositor de consciência a receber a Medalha de Honra do Congresso norte-americano.

Doss, transportava sempre consigo uma Bíblia e era admirável as suas convicções cristãs.

Um bom filme em que acredito terá varias nomeações para os Óscares em Fevereiro.

Veja o trailer em : https://www.youtube.com/watch?v=P8F5ObwP79k

 
Cláudio Anaia
www.relances.blogspot.com

Partilhe esta notícia