Os ritmos latinos são explorados num dos ateliers de Verão, a decorrer desde 22 de junho, às segundas, quartas e sextas-feiras, no Pavilhão Desportivo de Aranguês, em Setúbal.

“Estão todos a postos para começar o aquecimento?” pergunta Mónica Banza, orientadora da atividade dinamizada pela Câmara Municipal de Setúbal, de ocupação de tempos livres das crianças e dos jovens durante o período de férias letivas.

Depois exercícios de aquecimento, a professora de dança apressa-se a pôr música na aparelhagem. “Um, dois, três…” A contagem serve para apanhar o ritmo da salsa e demonstrar os passos a aprender.

A tendência é “ficar envergonhado e olhar para os pés”, na tentativa de não falhar nenhum dos passos, mas “depois isso passa tudo, porque a dança e os movimentos acabam por surgir naturalmente”, explica Mónica.

A primeira experiência de dança é feita em grupo, para um teste geral. Depois, a professora forma pares.

Este atelier, apesar de destinado a crianças e jovens com idades compreendidas entre os 6 e os 18 anos, conta também com a participação de adultos.

“A participação das pessoas mais velhas vinca a troca de experiência entre as idades”, refere a bailarina profissional, facto que considera “bonito de se ver!”

O Atelier de Danças Latinas tem um total de 49 inscritos, com atividades às segundas, quartas e sextas-feiras, entre as 10h00 às 11h30.

A elaboração do programa da 19.ª edição dos Ateliers de Verão teve em consideração diversas áreas de interesse dos participantes e as respetivas faixas etárias.

As ações propostas ao longo das seis semanas desta edição vão do ténis às artes plásticas, da vela à música, entre muitas outras possibilidades.

Estão ainda previstas atividades pontuais como triatlo, esgrima, elaboração de origamis e uma visita à Fábrica da Felicidade, da Coca-Cola.

No encerramento do programa, a 31 de julho, no Auditório José Afonso, realiza-se uma festa com demonstrações de algumas das atividades desenvolvidas e exposição.

Partilhe esta notícia