Foi encontrado, este sábado, no rio Tejo, na Ponta dos Corvos, concelho do Seixal, o corpo do último dos três homens desaparecidos a 20 de dezembro de 2014 na apanha da amêijoa.

Fonte da Polícia Marítima confirmou ao Distritonline, que o “corpo foi avistado, praticamente no mesmo sítio onde foram recuperados os outros dois cadáveres, ao 12h30 por uma mulher que contatou as autoridades”.

O corpo foi, posteriormente, transportado para o Hospital Garcia de Orta, em Almada e “foi identificado como o mariscador, de 53 anos, que desapareceu nas imediações da antiga empresa de comércio e indústria de Bacalhau, em Palhais, quando apanhava amêijoa no Tejo”, adiantou a mesma fonte.

Recorde-se que, os três mariscadores desapareceram no passado dia 20, perto do 12h30, em duas situações distintas, uma vez que dois dos homens estavam, em conjunto, a capturar amêijoa apeados no Bico do Mexilhoeiro e o outro mariscador estava a apanhar amêijoa sozinho nas imediações da antiga empresa de comércio e indústria de bacalhau, na freguesia de Palhais.

Partilhe esta notícia