Antoine Lavoisier afirmou um dia que “nada se perde, tudo se transforma”. Dois barreirenses, Carlos Santos e Francisco Rodrigues, juntaram-se a esta linha de pensamento e criaram um espaço de animação no Barreiro, de dez hectares, que possibilita a realização de centenas de atividades, onde “reaproveitar” é o conceito-chave. O Tuga Natura abre as portas ao público na próxima segunda-feira.

Francisco Rodrigues não tem vergonha de assumir que “o lixo dos outros é a matéria-prima do Tuga Natura”. Para o responsável do projeto, esta é uma forma não só de “reduzir custos”, de “rentabilizar e resolver problemas”, mas também de “sensibilizar a população”. “Se nós despejarmos o lixo que encontrámos no terreno num contentor, vamos tirá-lo daqui, contudo, ele vai aparecer noutro local, e assim demonstramos às pessoas que o lixo não deve ser escondido, mas sim tratado”, realçou Carlos Santos, que construiu o lettering da empresa através de pequenos pedaços de tijolos que entrou no espaço.

O objetivo é que o “espaço seja, acima de tudo, versátil”, por isso os visitantes poderão, para já, ter acesso a atividades de paintball; laser tag; tiro com arco/ fisga e/ ou zarabatana; volleyball; ginástica; jogos de água; pinturas faciais; mais de 150 jogos tradicionais; cerca de 50 atividades de teambuilding e serviço de catering. “Temos capacidade para receber cinco grupos diferentes, a cada duas horas. O nosso limite é a imaginação do cliente”, explicaram os responsáveis.

Para ter acesso às atividades, numa fase inicial, os interessados devem marcar, antecipadamente, o tipo de atividades que pretendem realizar e durante quanto tempo. Contudo, existem atividades com pacotes pré-definidos, nomeadamente as festas de aniversário, que têm um custo de 17,5€ por pessoa, no qual está incluído o hambúrguer, a bebida e o usufruto do terreno, sendo que o bolo de aniversário é oferecido pela empresa.

Apesar de o espaço ter 10 hectares, para já apenas estão a ser utilizados para atividades quatro hectares, que serão esticados, de acordo com os criadores do projeto, “consoante a necessidade, disponibilidade, condição e a resolução de alguns problemas legais”. Todavia, esperam a curto prazo desenvolver atividades de kart cross e minigolfe e, a longo prazo, atividades náuticas, uma vez que o terreno chega ao sapal do Rio Coina.

“Gostava de criar aqui uma Horta Pedagógica, em que cada escola do concelho tivesse um espaço à sua responsabilidade durante o ano letivo, e no final do ano um júri avaliasse as hortas e elegesse a melhor. Os alunos da escola premiada teriam direito a um dia inteiro de atividades gratuitas”, revelou Carlos Santos.

Francisco Rodrigues e Carlos Santos são proprietários da empresa Laser Adventures, através da qual já realizavam dinâmicas de grupo de Trás dos Montes a Sagres, inclusivamente na FIL. Contudo, quando pensaram deixar de funcionar num regime de “saltimbanco”, a ideia de sedear o Tuga Natura no Barreiro, apesar de terem surgido outras oportunidade, foi “imediata”. “O terreno [localizado na Rua do Operário – Quinta da Lomba, a seguir à curva do Abreu] tem as condições ideais, fica a 30min de Lisboa, e é uma zona protegida, por isso para ser utilizado tinha de ser por uma área específica, como a nossa. Para além de isso trabalhar na minha terra é sempre a primeira opção”, referiu Carlos Santos, que apesar de ter nascido na Alemanha, considera-se um barreirense de gema.

No espaço é ainda possível encontrar uma Aldeia Africana e uma Aldeia Indiana, nas quais serão desenvolvidas diversas atividades, nomeadamente de teambuilding. Questionado sobre a razão da construção destas aldeias no espaço, Carlos Santos esclareceu que “durante as viagens que já fez, teve a sorte de conhecer realidades muito diferentes, e recolher ideias que agora pôde colocar em prática”.

Durante a Apresentação Pública da empresa, Regina Janeiro, vereadora da CM do Barreiro, não escondeu o entusiasmo e reiterou o “interesse” do conceito. Já Ana Porfírio, presidente da União de Freguesias Barreiro/ Lavradio sublinhou que o espaço “tem muitas potencialidades”.

O Tuga Natura abre as portas ao público na próxima de 2ª Feira, e está aberto entre as 11h e as 21h. Contudo, já está em funcionamento uma roulotte no local que abre as 23h e encerra às 5h, na qual é possível saborear várias especialidades de hambúrgueres e conviver. A partir do próximo mês, a roulotte passará a estar aberta também durante o dia.

Partilhe esta notícia