Os portos de Setúbal e de Sesimbra monitorizam as suas águas desde que, em 2007, a APSS definiu um conjunto de treze estações fixas, localizadas nos portos de  Setúbal e Sesimbra, e treze parâmetros fixos, que permitem avaliar possíveis alterações da qualidade da água ao longo do tempo. As análises, que têm decorrido com uma periodicidade trienal, têm revelado o seu enquadramento dentro dos critérios de qualidade aplicáveis a zonas costeiras, como indicam os resultados das amostragens mais recentes, realizadas no primeiro trimestre de 2014.

Estes parâmetros, incluem a avaliação de poluentes orgânicos, microbiológicos, do  estado trófico (estado dos nutrientes) da água, hidrocarbonetos e substâncias persistentes e são avaliados em condições semelhantes, nomeadamente estação do ano e condições de maré,  de modo a permitirem futuras comparações.

 

Fonte: APSS

Partilhe esta notícia