Há cerca de 20 anos que Setúbal não tinha uma representação tão assinalável em órgãos nacionais da JSD com João Pedro Louro, Presidente da JSD Distrital de Setúbal, a ser eleito Vice-Presidente da Comissão Política Nacional da JSD e Tiago Sousa Santos, Presidente da JSD Barreiro e Vice-Presidente da estrutura distrital da JSD, também a integrar a direção nacional da estrutura partidária de juventude. 

Andreia Sousa, de Alcochete, foi também eleita Conselheira Nacional da JSD e Ana Isabel Lopes, militante na JSD Barreiro, é a número 2 do Conselho de Jurisdição Nacional. A Coordenadora da Formação da JSD Distrital de Setúbal, Joana Medeira, integrou também a lista à Mesa do Congresso Nacional vencedora. 

Nos dias 13, 14 e 15 de Abril decorreu o XXV Congresso Nacional da JSD e, apesar da distância, a Juventude Social Democrata do distrito esteve muito bem representada com a presença de mais de vinte jovens de todo o distrito, desde delegados a observadores. 

João Pedro Louro, o Presidente da JSD Distrital de Setúbal é o novo Vice-Presidente da Comissão Política Nacional liderada pela companheira Margarida Balseiro Lopes. No mesmo órgão, Tiago Sousa Santos foi eleito como Vogal suplente, Ana Isabel Lopes é a nova número 2 do Conselho de Jurisdição Nacional e Andreia Sousa ao Conselho Nacional. Integraram ainda a lista A ao conselho nacional: Xavier simões, João Lourenço, Tiago Almeida, David Martins e João Gamito. Pela lista J, David Cristóvão integrava a lista à CPN. O distrito vê assim reconhecido o mérito, o empenho, o esforço e o trabalho dos seus militantes, trabalho este desenvolvido nos últimos anos pela estrutura distrital e pelas respetivas concelhias. 

A JSD Distrital de Setúbal apresentou ainda ao Congresso Nacional duas moções sectoriais sobre os desafios e problemas que o distrito atravessa. A primeira intitulada “Mobilidade: Uma questão de Igualdade Territorial” apresentada pelo Vice-Presidente Tiago Sousa Santos, a segunda intitulada “Saúde de qualidade no Alentejo: Uma prioridade inadiável – JSD Distrital de Évora, Portalegre e Setúbal”, que foi elaborada pelas três estruturas, foi apresentada em conjunto pelos três presidentes distritais. Ambas as moções foram aprovadas por maioria dos delegados ao XXV congresso nacional da JSD.